No javascript

Produção e Criação Musical

Higher Nationals (2 anos / Nível 5) + TOP UP YEAR (1 ANO)

Duração: 2 anos (1.010 horas)

Datas: Outubro a Julho

Horário: 2ª a 6ª / 9H-13H 14H-18H

Participantes: 8 a 16 alunos

Idioma: Português

Formato: Aulas presenciais e projetuais. Inclui também aulas online.

Galeria

Apresentação

Um curso para formar profissionais para as várias áreas da indústria musical internacional – autor, compositor, produtor, manager.

A indústria musical tem sido alvo de grandes mudanças. O músico é hoje cada vez mais autor, compositor, produtor e gestor da sua própria carreira. O objetivo deste curso é permitir ao aluno uma atividade no meio musical através do desenvolvimento de capacidades de escrita e composição, bem como o conhecimento técnico da performance ou da produção.

No estúdio, o aluno convive com o analógico e o digital, utiliza vários softwares de gravação, descobre o fascínio da edição, o equilíbrio da mistura e o processo da masterização. Com a prática, aperfeiçoa a sua personalidade estética e artística, e aprende a saber ouvir e a encontrar a sua própria voz. Durante o curso tem acesso a estúdios de gravação/produção e salas de pós-produção áudio e masterização.

O curso promove noções de marketing para a promoção de projetos musicais e de autores, assim como os passos essenciais para a criação de uma identidade artística.

No final do curso os alunos apresentam publicamente o seu trabalho numa sala de espetáculos de referência em Lisboa.

SAÍDAS PROFISSIONAIS

  • Músicos e Compositores;
  • Produtores musicais;
  • Gestores de projetos musicais.

Programa Erasmus+ e Estágios

Os alunos ETIC, no final do curso e mediante o seu desempenho, podem candidatar-se a um estágio internacional através do Programa Erasmus+.
Podem igualmente candidatar-se a um estágio numa empresa portuguesa da área do curso através do Departamento de Integração Profissional e Erasmus+.

Coordenação e Tutoria

COORDENADOR: João Ferreira Gomes

Músico, Produtor e Professor, já tocou com bandas e artistas como LX-90, Delfins, Mazgani, Rita Redshoes, JP Simões e Valete e trabalhou em dezenas de álbuns desde os anos 90.
Técnico de Som e Pós-produtor.

GESTOR PEDAGÓGICO: André Prista

Produtor, Músico, Compositor, Técnico de Som.
Teve a primeira banda aos 15 anos e, aos 17 anos, o primeiro gravador de 4 pistas.
A paixão pela música e pela engenharia de som foi sempre alimentada pelas diversas oportunidades da vida quer pessoal quer profissional.
Trabalhou com nomes como Bob Katz, Brian “Big Bass” Gardner, Dennis Ward, André Matos (Angra), Rafael Bittencourt, Henning Basse, Akira Takasaki, entre outros.
Abraçou o projeto pedagógico ETIC onde exerce a função de Gestor Pedagógico e professor há 15 anos.

TUTOR: Nuno Rua

Sound Designer, Técnico de Som, Diretor de Som para Cinema, Pós-Produtor e Tutor no curso Higher Nationals Sound Design For New Media Production na ETIC, desde 2014. Dirige, pós-produz e mistura trabalhos com maior foco nas áreas do Cinema e Televisão documental onde assinou as biografias de Jorge Listopad, Eduardo Prado Coelho, Joana Vasconcelos e Maria Gabriela Llansol. Colabora com artistas de diversas áreas, tais como, a exposição “Overflow” do artista Tadashi Kawamata @maat e a exposição”A Tendency to Forget” de Ângela Ferreira @museu Berardo, obra vencedora do prémio BES NOVO FOTO 2015, que atualmente faz parte do espólio do museu Tate Modern London.

UNIDADES CURRICULARES

1º Ano
A INDÚSTRIA MUSICAL (THE MUSIC INDUSTRY

Esta unidade aborda a indústria musical como uma indústria em eterno movimento, com uma variedade de áreas que se vão sobrepondo às que existiam anteriormente e interagindo com as novas. É necessário, neste contexto dinâmico e ligado através da tecnologia, compreender a sua complexidade para potenciar oportunidades que poderão coroar com êxito a atividade escolhida.

DESENVOLVIMENTO PROFISSIONAL (PROFESSIONAL DEVELOPMENT)

A paisagem da indústria musical alterou-se drasticamente nos últimos anos, tendo a tecnologia influenciado o modo como se produz música e se usufrui dela, o que constitui um enorme desafio para músicos, compositores, autores e produtores, assim como para as editoras. Esta unidade permite conhecer a originalidade da proposta individual do aluno e os seus pontos fortes, que a farão ser distinta.

INTRODUÇÃO À PRODUÇÃO MUSICAL (MUSIC PRODUCTION FUNDAMENTALS)

A tecnologia é hoje omnipresente na produção de música contemporânea e uma ferramenta padrão da indústria da música e do entretenimento. Os desenvolvimentos tecnológicos modificaram significativamente a prática de gravação, edição e mixagem de som nos últimos anos, e são o foco desta unidade.

ESCRITA DE CANÇÕES (Songwriting)

Hoje em dia a escrita de canções requer mais do que nunca um conjunto versátil de valências e conhecimentos sócio culturais. Individualmente, ou como parte de um projeto colaborativo, o processo de escrita nesta unidade envolve uma variedade de conceitos e ferramentas cuja prática será desenvolvida ao longo das aulas.
O objetivo é familiarizar o aluno com o(s) processo(s) de composição de modo a criar as suas próprias canções e a gerar o seu portfolio pessoal, seja como compositor individual seja como parte de uma equipa colaborativa.

MARKETING E PROMOÇÃO PARA MÚSICOS (MARKETING AND PROMOTION FOR MUSICIANS)

A versatilidade é hoje em dia extremamente importante para quem quiser desenvolver esta atividade, organizando o seu portfolio e comunicando a sua carreira com as ferramentas de promoção e marketing adequadas. É importante que o músico adquira conhecimentos anteriormente confinados às editoras e aos managers. Estes são os temas desta unidade.

MÚSICA E SOCIEDADE (Music and Society)

Esta unidade observa e estuda a criação de conteúdos a partir das interações entre a sociedade e a música. O aluno irá explorar o papel importante e influente da média na sociedade de hoje e perceber que impacto têm no artista os debates sobre identidades de género, raça, classe e sexualidade, influenciando o seu trabalho, o género e/ou subgénero musical e por consequência a oferta do produto cultural. Após a conclusão desta unidade o aluno pode observar como a sociedade molda o desenvolvimento da música.

INTRODUÇÃO À ENGENHARIA DE SOM (SOUND ENGINEERING FUNDAMENTALS)

Há uma variedade de métodos usados por engenheiros de som para trabalhar o áudio de maneira segura, controlada e criativa. Ser um engenheiro de som envolve muito mais do que posicionar um microfone e carregar no Rec. Os músicos, produtores e engenheiros de som de música devem adquirir todas as valências necessárias para trabalhar o áudio nos seus campos respetivos, que podem ir da gravação de um disco à sonorização de um filme. A unidade aborda uma introdução a estas matérias.

CANTO (Singing)

Seja aspirante a produtor ou autor, intérprete ou compositor, qualquer futuro profissional do meio deverá adquirir uma compreensão física detalhada do funcionamento do mecanismo vocal e das técnicas necessárias para alcançar performances da maior qualidade possível. Nesta unidade os alunos aprendem como produzir um som mais confiante e tonalmente seguro, melhorando o seu ouvido musical.
Serão também incentivados a desenvolver a capacidade de usar certos requisitos físicos para alcançar uma boa produção vocal. No final desta unidade o aluno saberá aquecer e preparar a voz para um desempenho eficaz e seguro, dominando os mecanismos de produção vocal.

2º Ano
PROJETO DE PESQUISA CRIATIVA (CREATIVE RESEARCH PROJECT, PEARSON-SET)

Nesta unidade o aluno escolherá o seu próprio projeto com base num tema proposto, que permitirá explorar e examinar um assunto atual e com assinalável importância no contexto do Curso de Produção e Criação Musical.

MISTURA E MASTERIZAÇÃO (MIXING AND MASTERING)

A mistura de áudio é um processo muito importante na pós-produção. Numa mistura, todas as pistas gravadas são inspecionadas ao detalhe e processadas até soarem da maneira desejada e se relacionarem de modo equilibrado. O objetivo desta unidade é proporcionar ao aluno o conhecimento e a compreensão das técnicas utilizadas pelos engenheiros de som e produtores de música para combinar/misturar várias pistas e camadas de modo a valorizar o resultado final.

SOM AO VIVO (LIVE MIXING)

Esta unidade mostra que fazer som ao vivo envolve mais do que a operação de equipamentos de reforço de som. A comunicação empática com os artistas e as equipas de áudio é igualmente importante, assim como a valorização do nível emocional de uma atuação ao vivo. Na verdade, não há engenheiros de áudio que ao vivo que sejam “melhores” do que outros: há “apenas” engenheiros de som que são empáticos e que entendem as necessidades complexas (muitas vezes não relacionadas com o áudio) do artista com o qual trabalham em palco.

PORTFÓLIO CRIATIVO (CREATIVE PORTFOLIO)

Esta unidade oferece aos alunos a oportunidade de, qualquer que seja o percurso escolhido, criar um portfólio de trabalho relacionado diretamente com o projeto que quiserem realizar. Será uma espécie de cartão-de-visita para o mundo do trabalho.

PRODUÇÃO MUSICAL AVANÇADA (ADVANCED MUSIC PRODUCTION)

Esta unidade baseia-se na aprendizagem adquirida na unidade “Introdução à Produção Musical”, lecionada no ano anterior. Os conhecimentos apreendidos anteriormente são consolidados e desenvolvidos à luz das melhores práticas da indústria atual. O uso confiante da tecnologia dentro do ambiente de produção é fundamental para a prática profissional nas Indústrias de música e entretenimento. A velocidade, a proficiência e o fluxo de trabalho, além de uma compreensão efetiva das principais técnicas e processos, são vitais para uma carreira de sucesso.

TÉCNICAS DE SÍNTESE SONORA AVANÇADA (Advanced Synthesis and Processing)

Nas últimas duas décadas têm sido desenvolvidas opções cada vez mais diversificadas no uso de tecnologias que fornecem aos músicos digitais e designers de som uma gama desconcertante para a sua paleta sonora. Esta unidade explora o espetro dessas tecnologias, a teoria subjacente e as capacidades sonoras de cada uma delas e explica como as técnicas avançadas de processamento podem transportar um som cru para um nível superior.

DESENVOLVIMENTO ARTÍSTICO (DEVELOPING AS AN ARTIST)

Trabalhar como artista na atual indústria da música exige uma gama diversificada de valências e conhecimentos. A adaptação ao mundo em constante mudança, guiado por diferentes tecnologias, como por exemplo os social media, coloca maior ênfase na necessidade de convivência entre o universo musical e os contextos comerciais. A diferenciação entre o “artista musical” e o “produto comercial” nunca foi tão necessária quanto hoje. Esta unidade prepara o aluno para a complexidade da indústria.

3º ANO - TOP UP YEAR

VER CONDIÇÕES DE CANDIDATURA

TOP UP YEAR →

Professores

BEATRIZ NUNES
Professora de Canto, Autora, Compositora e Intérprete
https://beatriznunesmusic.com

RAFAELA RIBAS
Manager, Agente
https://afirma.pt/

ALEXANDRE CORTEZ
Músico, Produtor, Empresário, Agente Cultural

ANDRÉ PRISTA
Técnico de Som, Produtor Musical, Compositor, Músico

DAVIDE PINHEIRO
Jornalista, Radialista
https://www.facebook.com/Mesademistura

JOÃO GOMES
Produtor, Músico

MARCO BAPTISTA
Técnico de Som

MIGUEL ANGELO
Músico, Autor, Compositor, Produtor
https://afirma.pt/miguel-angelo/

FRANCISCO FARIA
Songwriter, Compositor, Produtor, Mixer
https://www.thisisminx.eu

SÉRGIO NORONHA
Professor, Marketeer

MIGUEL FERRADOR
Produtor, Mixer
https://www.miguelferrador.com

TIAGO PIMENTEL aka TRYAMBAKA
DJ, Produtor Musical

EQUIPAMENTO

  • Estúdios de Som equipados com Universal Audio, Audient, Pre-amps Valvulados, sistemas AVID Pro-Tools HD, Cubase e Ableton LIVE com recurso a plugins da Waves, Fab Filter e UAD.
  • Monitores de som Genelec, M-Audio, Adam.
  • Mesas de mistura (Midas, Allen & Heath, Behringer e Yamaha). Gravadores digitais HD Fostex, processadores (Lexicon, TLAudio, SPL, Yamaha).
  • Microfones (Neumann, Sennheiser, AKG, DPA, Shure, Sanken, Studio Projects).
  • Equipamentos portáteis de gravação (Sound Devices, Tascam e Roland).
  • Salas de computadores equipadas com workstation de trabalho individuais Apple iMac com Headphones, Placa de som e Teclado MIDI.
  • Programas utilizados: Cubase, ProTools, Logic e Live.
  • Espaços para concertos com palco, PA e estações de DJ Pionneer. Mix Room.
  • Instrumentos musicais: guitarras elétricas e acústicas, baixo elétrico, bateria acústica (Fender, Stratocaster, Telecaster, Jazz Bass, Yamaha).

Candidaturas

Bolsa de Mérito:
Tendo em conta o momento que vivemos, a ETIC atribui uma Bolsa que visa ajudar os alunos no pagamento dos seus cursos, mediante o seu aproveitamento no curso.
Para mais informações consultar aqui.

Requisitos:
12.º Ano de Escolaridade.
Carta de motivações / razões pelas quais se candidata e objetivos profissionais (via e-mail).
Apresentação de portefólio ou showreel, caso possua.

O que devo fazer para iniciar a minha candidatura?
> Preencher o formulário na página do curso em que estou interessado >  PEDIR INFORMAÇÃO

Quais os passos seguintes?
Irá receber um email de confirmação com informação sobre :
> Marcação de entrevista
> visita à escola (opcional > pode agendar na página CANDIDATURAS)

Convidamos a conhecer o ambiente criativo e próximo que se vive na Escola, através de visita acompanhada aos estúdios, ateliers e salas de formação.

Candidaturas de Maio a Setembro.

Condições

Inscrição:
600€ – Inscrição internacional Pearson/BTEC.

Opções de pagamento para residentes:
Pronto pagamento em duas prestações anuais: 4.320€ (10% desconto).
24 prestações de 386€ (3.5% desconto).
30 prestações de 320€.

Opções de pagamento para cidadãos sem residência fiscal em território nacional:
Pronto pagamento em duas prestações anuais: 4.320€ (10% desconto).
1ª prestação(*): 2,779.20€ mais 12 prestações de 540.40€.
(*) Valor a liquidar no ato da matricula e não reembolsável em caso de desistência.

Outros descontos:
Ex-alunos.
Parcerias.

CONDIÇÕES GERAIS
Os preços e condições de pagamento podem sofrer alterações até ao início das inscrições. A abertura de cada curso/turma/horário está condicionada a um número mínimo de inscrições. A inscrição no horário pretendido é limitada ao número de vagas disponíveis.
O ensino é presencial e projetual. As aulas são lecionadas nos formatos de ensino presencial ou online, de acordo com necessidades impostas pelo COVID-19, protegendo a Comunidade, ou de acordo com adequação pedagógica.
O programa do curso inclui aulas sem professor para desenvolvimento de exercícios autónomos e práticas projetuais. O trabalho autónomo ou projetual é importante para o progresso do aluno nas suas aprendizagens.
Os professores podem solicitar o desenvolvimento de trabalhos fora do horário estabelecido para as aulas.
Eventualmente podem ser marcadas aulas fora do horário estabelecido, por exemplo para responder a projetos que exigem essa flexibilidade, para atender a necessidades de equipamento específicas dos projetos, para resposta a exercícios feitos em contexto real com parceiros, ou por qualquer outro motivo que apoie a melhor consecução do programa.
As aulas técnicas específicas e/ou workshops podem ocorrer aos sábados.
A duração de cada aula pode variar em função da sua natureza teórica ou prática.
A turma pode ser dividida em grupos para melhor aprendizagem e intensificação do desenvolvimento de projetos e matérias.
O programa curricular e o elenco de professores do curso podem ser alterados por razões de adequação pedagógica ou por motivos de força maior.

Para mais informações contacte-nos.

Outros cursos

Everything Is Now.
Learn. Do. Create.
BEGIN HERE Get Everywhere.
Dare To Try.