Produção e Criação de Hip Hop // ANUAL

Apresentação

A ETIC promove, em parceria com o Rimas e Batidas, a mais importante plataforma na divulgação e pensamento A ETIC promove, em parceria com o Rimas e Batidas, a mais importante plataforma na divulgação e pensamento crítico sobre Hip Hop atualmente existente em Portugal, o primeiro curso do país focado na criação das diferentes vertentes musicais desta cultura.

O objectivo deste curso é abrir a porta para a parte criativa de uma cultura que é hoje das mais importantes no plano musical – trata-se do género musical mais ouvido no mundo, de acordo com números oficiais fornecidos pela indústria musical americana em finais de 2018. Em Portugal, o Hip Hop tem igualmente estado na origem de uma série de fenómenos que consistentemente têm quebrado recordes e chegam aos principais palcos dos nossos festivais. A música produzida neste âmbito foi recentemente distinguida, por exemplo, na primeira edição dos Prémios Play, galardão que a indústria atribui à música que maior impacto consegue no presente.

Os alunos ao longo deste curso vão desenvolver conhecimentos de base nas áreas-chave do Beatmaking, das rimas e da gravação em estúdio, numa vertente mais técnica. Por outro lado, numa vertente mais teórica, adquirem conhecimentos significativos no campo da história musical do género abordado, mas também das novas regras de mercado e estratégias de gestão artística que hoje são essenciais na afirmação de qualquer carreira.

O curso é assim ideal para jovens talentos que procurem ferramentas para se lançarem no mercado da música, para artistas que queiram compreender as linguagens que os rodeiam (um MC comunicará melhor com o seu produtor se falar a sua linguagem, um MC terá melhores noções musicais se tiver conhecimentos técnicos ao nível da construção de beats, etc.), ou para outros profissionais (jornalistas, radialistas, agentes, managers) que procurem conhecimentos sobre as dinâmicas criativas de um género que é hoje omnipresente no mundo da música e que ocupa os lugares cimeiros na pirâmide de consumo e popularidade.

Estrutura do curso

Abrir a porta para a parte criativa de uma cultura que é hoje das mais importantes no plano musical – trata-se do género musical mais ouvido no mundo, de acordo com números oficiais fornecidos pela indústria musical americana em finais de 2017. Em Portugal, o Hip Hop tem igualmente estado na origem de uma série de fenómenos que consistentemente têm quebrado recordes e chegam aos principais palcos dos nossos festivais.

Os alunos ao longo deste curso vão desenvolver conhecimentos de base nas áreas-chave do DJing, beatmaking, rap e gravação em estúdio, numa vertente mais técnica. Por outro lado, numa vertente mais teórica, adquirem conhecimentos significativos no campo da história musical do género abordado, mas também das novas regras de mercado e estratégias de gestão artística que hoje são essenciais na afirmação de qualquer carreira.

O curso é assim ideal para jovens talentos que procurem ferramentas para se lançarem no mercado da música, para artistas que queiram compreender as linguagens que os rodeiam (um MC comunicará melhor com o seu DJ se falar a sua linguagem, um DJ terá melhores noções musicais se tiver conhecimentos técnicos ao nível da construção de beats, etc.), para outros profissionais (jornalistas, radialistas, agentes, managers) que procurem conhecimentos sobre as dinâmicas criativas de um género que é hoje omnipresente no mundo da música e que ocupa os lugares cimeiros na pirâmide de consumo e popularidade.

 

PROGRAMA CURRICULAR

UNIDADE 1 // HISTÓRIA DA PRODUÇÃO MUSICAL

A produção de beats no hip hop, do sampling à produção com ferramentas digitais como o Adobe Live, um dos programas mais usados no universo da música eletrónica.

 

UNIDADE 2 // HISTÓRIA DO MCING

Uma introdução à história do hip hop, oferecendo uma perspetiva da sua evolução e transformação, desde finais dos anos 70 até ao presente.

 

UNIDADE 3 // DJING

O DJing, tanto na perspetiva de quem toca nos clubes, o chamado party-dj, como na perfectiva do dj como músico, ou gira-desquita, capaz de interagir com outros músicos através do scratch.

 

UNIDADE 4 // BEATMAKING

Os diferentes métodos de criação de beats com o input de diferentes produtores, da MPC ao Live, do sampling à utilização de soft synths.

 

UNIDADE 5 // RAPPING

A escrita criativa de rimas, as diversas técnicas de organização de palavras em cima do beat, os diferentes flows, a colocação de voz, a utilização de metáforas e punchlines: aqui desmonta-se a arte da rima através da perspetiva de diferentes rappers no ativo.

 

UNIDADE 6 // ESTÚDIO: CAPTAÇÃO, MISTURA E MASTERIZAÇÃO

Como enfrentar o microfone num estúdio se se for um MC, como abordar a mistura se se for um produtor ou DJ: conhecimentos para navegar o estúdio, comunicar com engenheiros de som e dominar os princípios básicos da gravação e da mistura.

 

UNIDADE 7 // MARKETING NA ERA DIGITAL

O mercado é hoje muito diferente do de há meros 5 anos: como funcionam as novas dinâmicas impostas pelas plataformas digitais, como usar as redes sociais a favor da construção de uma imagem e de um nome, que estratégias adotar para enfrentar o mercado contemporâneo.

 

UNIDADE 8 // PROJETO MULTIDISCIPLINAR ETIC_IDEIA

Laboratório de Inovação e Criatividade. Criação e desenvolvimento de um grande projeto multidisciplinar.