Terra Ardida ganha Prémio Sophia Estudante – edição 2019

Na sétima edição dos Prémios Sophia da Academia Portuguesa de Cinema, Francisco Romão, do curso de Cinema e Televisão (Higher National Diploma), ganhou o Prémio Sophia Estudante.

“Depois de todos os fogos que assolaram Portugal neste último ano, houve um pessoalmente que me tocou. O incêndio que destrui parcialmente uma aldeia de xisto situada na Pampilhosa da Serra, chamada Fajão”, refere Francisco Romão. “Esta é a terra da minha avó, uma pequena aldeia onde passei férias desde pequeno e que até este ano tinha sido poupada a imensos incêndios, feito que os habitantes atribuem a Nossa Senhora da Guia, invocação católica que se diz ter protegido a aldeia diversas vezes. Em que estado estará agora a aldeia e como estarão os poucos habitantes? Porque falhou a fé desta vez? Que mitos enchem a aldeia?”, são os temas centrais de Terra Ardida.

Realização: Francisco Romão

Produção: Luísa Pereira Santos

Direção de fotografia: Rúben Fajardo

Música original: Gonçalo Caboz

Pós-produção de som: Daniela Carvalho