No javascript

TRÊS PROFESSORES ETIC CONQUISTAM O PRINCIPAL PRÉMIO DE JORNALISMO EM PORTUGAL

Os jornalistas João Pedro Mendonça, João Porfírio e Catarina Santos, todos professores na ETIC, conquistaram o Prémio Gazeta de Jornalismo, o mais importante galardão existente em Portugal, que procura premiar a excelência jornalística no nosso país. Os prémios foram entregues no passado dia 25 de novembro, numa cerimónia presidida pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

João Pedro Mendonça, editor de desporto da RTP e professor na unidade de Jornalismo Especializado, do 2.º ano do curso HN – Jornalismo, Comunicação e Media Digitais, ganhou o Prémio Gazeta de Televisão pela reportagem “Confinado na aldeia”, realizada em Monsanto, onde por decisão médica estava em quarentena, para se proteger da Covid-19. Sozinho, munido de um telemóvel, um selfie stick, um computador e um piano, o professor filmou, editou, sonorizou e escreveu a peça, emitida a 6 de maio de 2020.

João Porfírio, professor de fotojornalismo no curso HN e anual, foi outro dos vencedores do Prémio Gazeta Multimédia, que destacou o trabalho “Em Silêncio”, um conjunto de cinco reportagens, assinadas por João Francisco Gomes e Sónia Simões, sobre abusos sexuais na Igreja Católica em Portugal publicadas no jornal online “Observador”. Além dos autores do texto, o trabalho envolveu uma vasta equipa: João Porfírio (fotografia), Raquel Martins (infografia e mapas), Mariana Cáceres (ilustração), Nuno Neves (vídeo), Tiago Couto (reconstituição de documentos), Alex Santos (webdesing e desenvolvimento), Catarina Santos (coordenação multimédia), Sara Antunes de Oliveira e Miguel Pinheiro (edição).

A jornalista Catarina Santos, coordenadora multimédia do jornal Observador, e uma das premiadas, é também professora na ETIC no 2.º ano do curso HN. A todos os nossos parabéns.

 

Everything Is Now.
Learn. Do. Create.
BEGIN HERE Get Everywhere.
Dare To Try.